PL de Artur do PT garante exame pré-natal para homens

O Projeto de Lei Nº 71/2018 do vereador Artur Oliveira (PT), foi aprovado pelo Colegiado da Câmara Municipal de Estância (CME), no último dia 15 do corrente mês, por unanimidade.

 A ideia de que o atendimento pré-natal é responsabilidade única da mulher, sem haver necessidade de participação do parceiro, é um dos fatores que imprimem o peso maior de cuidado dos filhos sobre as mulheres.

O parlamentar petista observa, no escopo do PL,  que essa desigualdade pode dar assento  a uma nova fase na relação entre a mãe e o pai no período do pré-natal, inaugurando a prática do acompanhamento  da saúde do homem, dessa forma,  visando à prevenção de doenças e acendendo o autocuidado e a partilha de responsabilidade.

O PL descreve que os órgãos de saúde responsáveis pela realização de exames pré-natais no município de Estância deverão ofertar aos parceiros das gestantes um conjunto de exames, avaliações e orientações visando o diagnóstico preventivo e o tratamento de doenças que possam, de qualquer forma, afetar a saúde do homem, da mulher e do bebê.

Entre os exames ofertados: sorologia para hepatites B e C, HIV, Sífilis, glicemia, colesterol; PSA para os maiores de 45 anos e o de próstata.

De igual modo, é obrigatória a disponibilidade de orientações sobre gravidez, parto, pós-parto, amamentação, paternidade consciente e direito e deveres dos pais.

– O pré-natal do parceiro é uma ferramenta essencial  no sentido de conscientizar os homens sobre a importância de participar de todas as fases da gestação da mulher, bem como, contribuir para incentivar a população masculina a buscar os serviços de saúde sobre a gravidez, parto, pós-parto, amamentação e direitos pais/parceiros – acentuou o Edil

proponente..

 

 

Ascom CME