Vereador Doutor Cristóvão faz cobranças ao governo do Estado e defende conserto de pontes em Estância


O vereador Cristóvão Freire (PSB), na sessão desta quarta-feira, 29, cobrou do governo do Estado o conserto das pontes existentes nos povoados de Estância. O parlamentar usou o grande expediente para reforçar esse pleito, pois tem ficado irrequieto com o silêncio do governo Estado quanto a essa cobrança – assumir o que lhe é da alçada.

“Quero aproveitar a oportunidade para pedir àqueles colegas que têm proximidade com o governo do Estado que levem esse pleito até ele, para que veja a necessidade de reforma das pontes existentes no município de Estância e que são da competência do Estado. São seis pontes sem a mínima condição de trafegabilidade, destruídas, quebradas. A comunidade se vê prejudicada para escoar sua produção, sem que haja nenhuma movimentação do Estado visando renovar, consertar, revitalizar essas pontes, da sua competência”.

Em sua dissertação o vereador elevou elogios ao prefeito Gilson Andrade por ter iniciado o trabalho de construção e conserto de pontes da competência do Município. “Fui e verifiquei in loco e vi que está em andamento a edificação de algumas pontes. Quero aqui fazer esse reconhecimento”, acrescentou.

“A Estância é um município que fortalece a balança comercial do Estado de Sergipe. Sem Estância a balança comercial de Sergipe não seria a mesma, enfrentaria dificuldade para manter-se de pé no cenário nacional. E porque Estância não é enxergada pelo Estado com o devido valor que merece”, indagou.

“Se um operário estanciano quebrar um dedo em uma das nossas indústrias tem que ir para Lagarto, Itabaiana ou Aracaju porque o hospital regional de Estância não tem um profissional ortopedista. É um governo que não olha para a saúde do povo trabalhador de Estância”, desabafou.

Ambulâncias

Em sua alocução também pediu que o prefeito Gilson Andrade disponibilizasse uma ambulância para atender a zona rural, para atender comunidades que ficam a trinta minutos do centro da cidade como as colônias Matogrosso, Estancinha, Riachão do Teté, Grotão, São José, Dom Helder, sendo essas merecedoras de uma assistência mais precisa. Reportou que comunidades da zona rural enfrentam dificuldades quando da ocasião de um socorro imediato.

Doutor Cristóvão parabenizou o presidente da Casa [André Graça] por ter, junto ao deputado Laércio Oliveira, viabilizado recursos na ordem de R$ 300 mil reais para obras de pavimentação da Colônia Estancinha, comunidade em que o tribuno tem afinidades.

“Por conta da minha aproximação com a zona rural sempre foi meu desejo vê-la pavimentada. Apresentei várias indicações nesta Casa. E a notícia trazida pelo colega André Graça, nesta tarde, traz muitas alegrias para todos nós”, finalizou.

 

 

Ascom CME