Padre Iuri e Padre Edivaldo receberam Cidadania Estanciana

A Câmara Municipal de Estância (CME), através do seu presidente André Graça, promoveu sessão solene na noite dessa terça-feira (29) com o objetivo de outorgar título honorifico de Cidadania Estanciana aos padres Iuri Ribeiro dos Santos e José Edivaldo Silva Santos.

Os proponentes foram os vereadores Dionísio Neto e André Graça, com aprovação unânime dos Pares da Casa. Padre Iuri é natural da cidade de São Paulo, nascido em 16 de janeiro de 1983.  Padre Edivaldo e natural da cidade de Lagarto, nascido em 18 de fevereiro de 1986.

Ao dissertar na tribuna, o presidente André Graça – proponente do título para o Padre Iuri – salientou que uma das alegrias de vereador é poder fazer a indicação de honraria como forma de reconhecimento de pessoas que têm prestado relevantes serviços à sociedade.

“Das coisas boas da política é esse poder que nós temos de reconhecer e fazer homenagem às pessoas que tanto merecem. Essa homenagem de hoje é o povo de Estância que presta. É fundamental o papel das igrejas na sociedade. Nós vivemos um momento muito difícil e as igrejas têm papel essencial na orientação espiritual da família, no empoderamento da fé”, disse André.

“Não há como constantemente compartilhar as alegrias, as tristezas, as angústias e as esperanças de um povo e não ser considerado um membro desse mesmo povo”, salientou Dionísio Neto.

“É por isso que nós estamos aqui, não simplesmente para homenagear, mas prestar o devido reconhecimento público a dois sacerdotes que bem souberam tomar parte na vida do povo estanciano. Padre Edivaldo, Estância está muito contente em ter vossa reverendíssima como vigário da Paróquia Nossa Senhora de Guadalupe”, salientou Dionísio Neto, proponente do título do referido padre.

Ao fazer uso da tribuna, a vice-prefeita Adriana Leite comentou acerca das Escrituras Sagradas e enfatizou que o sacerdote é a figura que direciona o povo a Deus Criador.

– Para mim é uma grande alegria estar  me tornando oficialmente filho de Estância nesta noite. Eu só tenho a agradecer a Deus e ao povo de Estância pela acolhida. Desde antes mesmo de receber essa honraria, quando aqui cheguei, há dois anos, Estância me acolheu de braços abertos – revelou o Padre Iuri.

O Padre  Edivaldo  manifestou a sua satisfação diante da honraria – Hoje é um dia muito feliz em minha vida. Eu já me sentia estanciano desde quando cheguei aqui.  Amo de verdade o povo desta cidade. Eu só tenho a agradecer a Deus por ter recebido esse presente da Câmara dos Vereadores – disse o novo estanciano.

O plenário “Filadelfo Luiz da Costa” contou com a presença da vice-prefeita Adriana Leite, dos vereadores André Graça, Dionísio Neto, Sandro Barreto, Pedro Benjamin, Raimundo Ascendino (Dode), Artur Oliveira, Tito Magno, Cristóvão Freire, Misael Dantas; ex-prefeito Ivan Leite; Padre Nivaldo Soares, Padre Humberto; Lions Club, Clube Viver; subtenente Hever, Everaldo Carvalho, Georlize Telles, Cel. Enílson, entre outros convidados.

Fotos/Julho Paparazzo

Ascom CME